Tribute to Claudia Gourmet Festival 2015

Termina hoje a 8ª Edição do festival gastronómico Tribute to Claudia, desde 2007 que o Restaurante Vila Joya acolhe este festival criado por Joy Jung como tributo a sua mãe Claudia Jung.

O Festival contou com a presença de 51 chefes de renome de todo o mundo, mais os seus cozinheiros, ajudantes e estagiários que assim como eu quiseram acompanhar este evento.

Tribute to Claudia é hoje o festival gastronómico mais prestigiado e respeitável do mundo. Este ano, para além da alta qualidade de profissionais que à 6 anos estamos habituados, o festival contou com o Tributo a Koschina e ainda um dia dedicado a Portugal , crEATive Portugal, onde Chefes de todo o país deram uma vida nova a pratos que recordavam a sua infância, os seus avós e as suas brincadeiras.

Em conversa com o staff do restaurante Vila Joya percebemos rapidamente o carinho que todos nutriam por Claudia Jung.  O tributo a Claudia é por certo a forma mais magnificente de recordar esta amante da gastronomia.

Cláudia viveu dividida entre dois Países, aquele que era seu de origem, Alemanha, e aquele que adoptou chamado Portugal.
Em 1997 Cláudia deixou-nos vítima de doença prolongada, apesar da sua ausência a sua memória nunca mais foi esquecida. O seu nível de exigência, “quando vinha da Alemanha ela inspeccionava todas as lareiras em busca de pó” conta um colaborador, e profissionalismo em prole do Vila Joya tornou-o na imponência que hoje assistimos com olhos fixos em todos os seus movimentos.

Cookingtrip esteve no festival , dia 12 de Novembro.em “Tributo a Koschina”.

Dieter Koschina chegou ao Vila Joya em 1991, trazido por Claudia Jung que procurava um Chefe que fizesse jus à sua excelência. Em 1995 surge a primeira estrela Michelin e em 1999 ganha a segunda estrela. Na passada quinta-feira, Dieter Koschina fez 20 anos de estrelas Michelin juntando-se por isso a ele 20 dos seus pupilos que agora são chefes de restaurantes de renome, muitos dos quais já com as suas próprias estrelas michelin.


jçk
20 anos, 20 Chefes, 20 pratos

Aos chefes foi proposto criar amuse bouche que representa-se os 20 anos de estrelas de Dieter Koschina.

O jantar incluía cocktail de boas-vindas,menu de degustação com harmonização de vinhos e bebidas depois do jantar com os Chefes no terraço Vila Joya.

Os chefes chegaram dos mais diversos pontos do mundo sendo eles:

Peter Hagen (Restaurante Ammolite); Bernhard Posh (Restaurante Balance); Christian Golles (Restaurante Seefischer); Gunther Doberl (Restaurante Schlossherrnstube); Siggi Tschurscherthaler (Restaurante Adler); Peter Kroiss and Thomas King (Restaurante At Eight); Richard Nussel (Westfalische Stuben); Clemens Nachbaur (Restaurante Das Schiff); Klaus Deutschmann, Matthias Bernwieser, Gerhard Brugger, João Tavares (Restaurante Terazza); Jens Riltmeyer (Restaurante KAI3); Lucy Lourenço Queiroz (Restaurante Harvey Nicols); Michael Wolf (Restaurante Atelier Wolf); Alexander Koomon (Restaurante De Kluizenaer); Julian Karr (Hotel e Restaurante Karr ); Christian Spitzer; Rudi Tomsej.

O menu incluia pratos como Gelado Palinka; Figado de Ganso Crocante (Klaus Deutschmann); Enguia fumada;Figado de Ganso; Beterraba;Mirtilos (Peter Hagen); Salada de Caranguejo; Pera abacate; Lúcia-Lima; Caramelo de pimenta-rosa;Sorbet Bergamota (Alexander Kooman); “Steckerlfisch” Truta Salmonada; Canónigos; Cominhos (Gunter Doberl); Couve Rábano; Truta preta; Pera abacate (Michael Wolf; Bacalhau; Molhe de Caldeirada (João Tavares; Vila Joya); Ouriço-do-mar;carabineiro;Rebentos de Trigo (Richard Nussel; Ravioli de Aipo; Coentros (Rudi Tomsej); Batatas com molho de Gema de ovo fumado, azeite de salsa, aipo fermentado “beurre blanc”(Mattias Bernwieser); Ombro de cordeiro refogado, pimento vermelho, couscous (Christian Spitzer) entres muitos mais.


DSC_0259
Chefe Klaus Deutschmann
DSC_0265
Gelado Palinka; Figado de Ganso Crocante
DSC_0279
Chefe Dieter Koschina
DSC_0307
Salada de Caranguejo; Pera abacate; Lúcia-Lima; Caramelo de pimenta-rosa;Sorbet Bergamota
DSC_0325
Salada de Caranguejo; Pera abacate; Lúcia-Lima; Caramelo de pimenta-rosa;Sorbet Bergamota
DSC_0334
Vieira Gratinada; Arroz com chouriço e choco


O ambiente que foi proporcionado torna a experiência ainda mais enriquecida. A mesa do chefe encontra-se em local privilegiado onde é possível ver a dança que acontece na cozinha, aqui só os mais prestigiados convidados e clientes se sentam (sendo que estes são os lugares com preços mais elevados (podendo chegar aos 600€).


DSC_0226
Menu na Mesa do Chefe

DSC_0201 DSC_0225


O ambiente é agitado, vemos centenas de pratos espalhados na roda enquanto Chefes empratam os seus ingredientes, empregados de mesa entram e saem da cozinha levando estas iguarias aos restantes clientes. A sensação é de euforia quando nos sentamos neste local, a adrenalina sobe e a animação aumenta, ajudada sempre pelos melhores Somelieres servindo vinhos galardoados de vinhas requintadas.


Luis Mendes, empregado de Mesa no Vila Joya a mais de 17 anos
Luis Mendes, empregado de Mesa no Vila Joya a mais de 17 anos


Se passarmos à sala temos um ambiente requintado, iluminado por velas que se espalham por todos os lados, uma decoração acolhedora mas ao mesmo tempo sofisticada. No terraço vê-se personalidades conhecidas que sorriem para os clientes. Após o discurso em tributo a Koschina inicia-se o jantar que se recheia dos melhores sabores do mundo.


DSC_0205 DSC_0246


É neste ambiente que Joy Jung perpetua a paixão de sua mãe pela gastronomia presenteando-nos anualmente com este festival.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s